Polícia Militar do Distrito Federal

Switch to desktop Register Login

Balanção das ações do Comando de Policiamento Escolar no ano de 2017

Texto produzido pelo CPEsc

Ao término do ano letivo de 2017, a Polícia Militar do Distrito Federal por intermédio do Comando de Policiamento Escolar (CPEsc) reforça seu comprometimento com a comunidade escolar e apresenta os seus resultados na garantia da segurança das escolas públicas e particulares de Brasília.

No total foram efetivadas 40.365 ações de policiamento, sendo que destas: 39.772 de policiamento preventivo, 216 de policiamento comunitário e 647 de policiamento repressivo.

As ações preventivas concentram-se nos procedimentos de Visitas Preventiva, Visitas Técnica, Operação Visibilidade, e Operação Volta às Aulas. Tais ações direcionadas a cada unidade de ensino permitem traçar um “diagnóstico” da escola ₋verificar in loco quais as suas necessidades, quais as ferramentas de controle de acesso ao ambiente interno bem como demais fatores que influenciam na segurança do ambiente escolar. Além dessas abordagens, na estrutura do CPEsc temos a intermediação de programas educacionais em duas vertentes: Educar para Cidadania, cuja oferta de palestras à unidade de ensino é uma estratégia de intermediação para conscientizar os atores pedagógicos (Direção, corpo técnico, pais e alunos) das suas responsabilidades pessoais no tocante à segurança, às circunstâncias relacionadas à convivência escolar, bem como sensibilizar a comunidade escolar da importância de ações conjuntas no enfrentamento à violência nas escolas. A segunda vertente é o Programa Educacional de Resistências às Drogas (Proerd) cujo foco é a prevenção primária de violência no que tange ao uso de drogas lícitas e lícitas e a prática de atos de violência entre estudantes. Em 2017 foram 9.000 alunos atendidos pelo programa.

A atuação comunitária é desenvolvida por meio de parcerias com os Conselhos de Segurança, diretores e pais, além de várias atividades cívicas criadas junto à comunidade escolar. O policiamento repressivo direciona-se a ações em todo o perímetro interno e externo do ambiente cujo foco principal é coibir o uso de drogas e o porte de armas, a exemplo das Operações Varredura, Escola Livre, Bloqueio Escolar e Blitz Escolar.

Mencionamos ainda que o quantitativo das ocorrências referente à violência escolar no Distrito Federal vem reduzindo significativamente desde 2015, quando foram registradas 4.152 ocorrências no perímetro interno e externo das escolas públicas e particulares; em 2016 foram registradas 2.548 (queda de 38,6%) e em 2017, totalizam 2.335 (queda de 8,4%). Neste ensejo, este Comando agradece ao Departamento Operacional da PMDF que por meio das Unidades de área apoiam e concentram esforços para prevenir a violência e aumentar a sensação de segurança no ambiente escolar.

 

Polícia Militar do Distrito Federal - Muito mais que segurança. Todos os direitos reservados © 2015

Top Desktop version