Polícia Militar do Distrito Federal

Switch to desktop Register Login

XV Curso de Operações Especiais

 

Para dar início ao XV Curso de Operações Especiais (COEsp), alunos policiais militares assistiram, na manhã desta sexta-feira (18), a aula inaugural do curso. Autoridades civis e militares, e representantes de unidades como RPMon, BPCães, BPChoque, Patamo, Rotam, se reuniram no Auditório da Legião da Boa Vontade (LBV) para prestigiar os futuros policiais do Batalhão de Operação Militares Especiais (BOPE).

O comandante do comando de missões especiais da PMDF, coronel Marcilon Back da Silva, palestrante na aula inaugural, apresentou atividades que serão realizadas durante o curso e explanou sobre os conceitos, princípios e características do policial formado no curso. O coronel também demonstrou satisfação e honra em participar do evento.

O comandante-geral da Polícia Militar do Maranhão, coronel Pereira, entregou o certificado ao palestrante e partilhou a importância de fazer parte do BOPE e reforçou aos futuros policiais de operações especiais que mantenham-se sempre humildes nas atividades policiais.

A reitora e representante do Instituto Superior de Ciências Policiais, coronel Priscila Reiderer Rocha, também compareceu a solenidade. A coronel parabenizou a coordenação do curso e agradeceu aos futuros ‘caveira’, escolherem o curso.

Os policiais terão treino de técnicas especiais de tiro, assalto tático (resgate de refém), como agir em ocorrência de alta complexidade com explosivo, terrorismo, quadrilhas de roubo a bancos, contra criminosos fortemente armados, técnicas de salvamento aquático, ações táticas verticais (onde se verifica uma possível entrada de resgate em altura elevada), previsão de paraquedismo, segurança de autoridade, desativação de explosivos.

Segundo o coordenador do curso, capitão Maurício Hebert, este é um curso muito intenso e requer habilidades físicas e psicológicas dos policiais. “É um curso muito difícil, os policiais ficam num regime de internato. Se tem uma necessidade de um preparo físico e psicológico e uma grande capacidade de raciocínio para as atividades do curso. A seletividade é muto grande. Por isso o curso tem como viés preparar os policiais para este tipo de atividade”.

Ao todo, o curso terá duração de quatro meses e contará com 39 militares, sendo cinco dos estados de Santa Catarina, Maranhão, Amazonas, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, que passaram por um processo seletivo de testes físicos para participar do XV COEsp.

 

 

 

Polícia Militar do Distrito Federal - Muito mais que segurança. Todos os direitos reservados © 2015

Top Desktop version